Como se concentrar mais nos estudos?

Tempo de leitura: 3 minutos

Estudar é algo gratificante e que possibilita a todo ser humano o esclarecimento, o desenvolvimento de ideias, a concretização de projetos, a independência, o senso crítico e, obviamente, resultados positivos em algum exame ou concurso público. Porém, algumas pessoas têm mais facilidades para se concentrar em detrimento de outras.

Importante lembrar que existe uma série de fatores que influencia na forma de preensão do conteúdo, mas isso varia de estudante para estudante. Outros aspectos podem impactar nesse processo, sejam eles externos ou internos ao indivíduo.

Por que a concentração deve ser levada a sério nos estudos?

Estudar é um processo que necessita de muita concentração para haver a assimilação, a distinção e a memorização necessária a fim de concretizar o conteúdo na mente.

A informação adquirida é responsável por formar associações em nosso cérebro, possibilitando a fruição do que acabara de ser lido ou aprendido. Por isso a concentração é imprescindível, uma vez que sem essa habilidade, a precisão dos conteúdos estudados tende a se perder em pouco tempo.

A nossa mente, quando não estimulada, apaga o que não é ou não faz parte de nosso cotidiano. Isso explica o porquê da prática sequencial de algo que aprendemos por meio de algum estudo. Por exemplo, não adianta fazer um curso de inglês e não praticar. Logo, boa parte do conteúdo será esquecida.

Então, o que fazer para se concentrar mais nos estudos?

Diante da importância da concentração para os estudos, confiram abaixo algumas dicas que podem auxiliá-los durante esse processo. Lembre-se, o comprometimento e a disciplina exercida por vocês também é responsável por impactar no sucesso de tal iniciativa. Vamos nessa?

Desligue o celular

Estamos cada dia mais conectados nas redes sociais. Os atrativos são vários, desde conversas instantâneas, compartilhamento de fotos, músicas, vídeos, status, memes, etc. Infelizmente, esses estímulos só contribuem para a perda da concentração, principalmente se a matéria/conteúdo não for tão empolgante.

A chance de vocês simplesmente deixarem o estudo para segundo plano em nome das redes sociais é imensa. Além disso, o tempo utilizado nessas ferramentas pode ser superior àquele gasto em uma leitura, por exemplo. Portanto, desligue o aparelho nem que seja por uma hora diária durante o estudo.

Escolha um local calmo

Nada mais proveitoso que estudar em um lugar afastado de barulhos, agitações ou qualquer outro estímulo externo. Muitas vezes, a informação não é assimilada de maneira satisfatória pelo cérebro em função do ruído exterior. Sendo assim, a dica é procurar uma sala de estudos da sua escola, faculdade; ou até mesmo uma biblioteca, que dispõe de lugares reservados para quem deseja silêncio para tal finalidade.

Esqueça um pouco os problemas

A falta de concentração pode ser resultado dos pensamentos em outras ocupações e situações. Todos nós temos problemas, mas quando eles tomam conta da nossa mente, o ato de se concentrar em coisas que não estão ligadas aos problemas fica cada vez mais difícil.

Descanse a mente

Por último, mas não menos importante: descanse a mente. Não adianta propor um plano de estudo, preparar-se para uma prova ou até mesmo reforçar algum conteúdo se você não propiciar descanso para o cérebro. Este órgão imprescindível em nossa vida também se cansa. Estude sempre e com determinação, mas permita-se ao lazer, à distração, a uma conversa leve e tudo que proporciona prazer à sua mente.

Bons estudos!

Deixe aqui seu comentário!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *